Advertising

Obra interdita faixa do Túnel da Abolição nesta segunda -feira


O Túnel da Abolição, localizado no cruzamento da Rua Real da Torre com a Avenida Caxangá, na Zona Oeste do Recife, recebe um esquema de monitoramento de trânsito a partir das 9h da segunda-feira (1º). O trabalho é ocasionado devido a uma obra de recuperação do local.

De acordo com a Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU), uma faixa do túnel fica interditada para a construção do Pontilhão do Canal do Prado e requalificação da estrutura do túnel. A obra é de responsabilidade da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação de Pernambuco.

Orientadores e agentes de trânsito devem auxiliar os motoristas que passam pelo local. Uma equipe também fica responsável pelo videomonitoramento da área por meio da Central de Operações de Trânsito (COT).

ALAGAMENTOS

No dia 22 de janeiro, o Túnel da Abolição amanheceu alagado. Segundo a CTTU, agentes foram acionados por volta das 5h20 e interditaram o trecho. A via foi liberada às 21h30.

Em dezembro de 2019, o quadro elétrico do túnel foi vandalizado, comprometendo o funcionamento dos equipamentos e deixando o trecho coberto de água. Embora não tenha sido interditado, o trânsito ficou complicado.

Um mês antes, houve uma tentativa de furto das bombas de drenagem e a depredação dos cabos que alimentam os equipamentos, que ficaram sem funcionar, segundo o Grande Recife Consórcio de Transporte. Com o bloqueio do túnel, bairros como Afogados, Torre e Caxangá tiveram engarrafamentos.

Com informações do G1PE / Foto: Reprodução Internet

Postar um comentário

0 Comentários