Advertising

Rádio Pernambucano perde Elias Lourenço


Morreu na manhã desta sexta-feira (24), vítima de uma infecção generalizada, o radialista Elias Lourenço, 81. Ele estava internado há cerca de 11 meses, em uma no Hospital da Unimed Recife e lutava contra um câncer de próstata.

Durante a vida, Elias colecionou passagens por várias emissoras do Estado. Veio para o Recife, na década de 1970, para atuar na Rádio Globo, mas findou seu último trabalho na Rádio Folha 96,7 FM, veículo no qual apresentava o programa “Alô Nordeste”, e atuava há quase 14 anos. 

Natural de Arcoverde, no Sertão de Pernambuco, o radialista deixa esposa, dois filhos e um legado de respeito que será lembrado por todos os que cruzaram o seu caminho.

Lourenço sempre foi muito querido pela comunidade forrozeira. Figuras conhecidas na cultura pernambucana como Elba Ramalho e Alcymar monteiro expressaram o sentimento pela perda do comunicador. "A cultura do Nordeste está de luto com a partida de Elias Lourenço. Um autêntico porta voz da nossa cultura, dos ritmos populares e da nossa música. Que o seu legado sirva de inspiração para novas gerações", lamentou Elba Ramalho. 

“Elias Lourenço foi um grande comunicador que deu dignidade à música nordestina. Sempre deu espaço para os artistas locais falarem sobre seus trabalhos e lançamentos.  Ele vai deixar um vazio muito grande, pois era aparente o seu amor pela nossa música. O povo pernambucano , nordestino e a cultura brasileira perdem muito com a sua partida. Elias Lourenço, para mim, é um dos grandes professores da comunicação radiofônica nordestina brasileira. Fará muita falta. Meus pêsames e tristeza a sua família.”, contou Alcymar Monteiro. 

O radialista deixa esposa e dois filhos, Kleber e Eliezer. Ele foi sepultado no final da tarde só com presença de familiares.

Com informações da FolhaPE e LIberdade FM

Postar um comentário

0 Comentários